Femproporex

O Femproporex é um inibidor de apetite, recomendado a princípio para casos patológicos, tais como os de compulsão alimentar, sobrepeso ou obesidade, os quais são distúrbios com inúmeras causas: desde os indivíduos que sofrem de transtornos alimentares até aqueles casos em que fatores genéticos contribuem para o excessivo ganho de peso. Na prática, isso quer dizer que seu uso não deve ser indiscriminado.

Femproporex
Femproporex aché

O histórico desse medicamento é muito antigo, pois foi criado na década de 1960 com o objetivo de auxiliar no tratamento de obesidade. O Femproporex ficou popular porque, através de sua ação como anorexígeno, ele desestimula a fome e modifica a forma de se sentir o odor e o sabor dos alimentos, o que causa a perda de peso, ao se comer menos quantidade.

Dentro de suas composições químicas, ele integra o grupo das chamadas drogas sintéticas, a semelhança das anfetaminas, apesar de que o Femproporex é um derivado feniletilamínico, o que em outras palavras quer dizer: é a mesma molécula que origina as anfetaminas, entretanto, metaboliza apenas uma parte insignificante dessas moléculas, com princípios ativos e efeitos um pouco menos estimulantes e de dependência, em comparação com a anfetamina. E na comercialização do Femproporex nas farmácias, ele é conhecido pelo nome de Desobesi-M. No Brasil, é um dos inibidores de apetite mais consumidos atualmente, já que o país é o maior produtor e consumidor da substância no mundo.

Recomendações e Benefícios

Em relação à maioria dos estudos vigentes, o Femproporex se recomenda para as pessoas com índice de massa corporal (IMC) acima de 30, classificando-as como obesas. Além disso, o consumo deste medicamento também pode ser receitado com o intuito de diminuir o estresse. Isso porque atua no organismo no sentido de amenizar a ansiedade, devido ao conjunto de ações químicas que vão diretamente ao sistema nervoso. Outros benefícios do medicamento são os seguintes:

-A substância principal do Femproporex contribui para uma reação cerebral que manda um comando de saciedade ao organismo, “enganando-o” e a consequência é a diminuição do peso por não se ter muita fome.

Proporciona mais energia o corpo, causando sensações de disposição e vontade de realizar atividades físicas.

-Seu princípio ativo aumenta os batimentos cardíacos, o que favorece o aceleramento do metabolismo e, assim, queimar calorias se torna mais fácil.

Auxilia na regulação do sono, em uma ação contra a insônia, mas é preciso ter atenção a esse ponto para que a utilização não se torne excessiva.

Com isso, para não haver excessos no uso do Femproporex, se recomenda uma dose na faixa de 25mg a 50mg. Porém, sempre consultar a um médico, para se ter uma avaliação mais precisa em cada caso.

Contraindicações de femproporex

De fato, em muitos países o uso desse medicamento foi banido após uma série de estudos que constatam uma possível dependência química, trazendo um consumo desenfreado. Haja vista que é indiscutível a eficiência do Femproporex, apesar de apresentar alguns riscos à saúde. A seguir os principais malefícios que o medicamento pode causar:

-O fato de estar no grupo dos estimulantes, como a anfetamina, faz com que o consumidor possa sofrer com a dependência pela droga.

-Estudos indicam alguns possíveis sinais de prejuízos ao cérebro, tais como reações psicológicas ligadas à hiperatividade, confusão mental e até indícios de impaciência e irritabilidade, por causa do seu lado estimulante.

-Há efeitos colaterais em pacientes que se relacionam a tremores, vômitos, boca seca, fraqueza no corpo e, em casos mais extremos, até mesmo quadros de diarreia

-Os relatos mais graves demonstram pacientes com sintomas de arritmia cardíaca, problemas circulatórios e náuseas. 

O Femproporex é contraindicado para pacientes com históricos de distúrbios cardiovasculares de qualquer tipo; hipertensos; pessoas com glaucoma; com hipertireoidismo; pacientes com quadro de alcoolismo; com distúrbios psiquiátricos e gestantes. Portanto, um grande número de estudos clínicos com a substância Femproporex revelou que ela ajuda a perda de peso, embora com riscos maiores do que os benefícios.  Além disso, o medicamento chegou a ser proibido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), no ano de 2011. E somente em 2017 foi liberado pelo Senado brasileiro, voltando a ser vendido com restrições (como a apresentação de receituário).

Outros Produtos

  • Finaplix
  • Sibutramina
  • Posso comer chocolate sem ganhar peso?
  • Como resolver a gula por chocolate?
  • Tamoxifeno
  • Nebido
  • Emagrecer de forma rápida
  • Clembuterol
  • Femproporex
  • Deposteron
  • Cipionato de Testosterona
  • Hemogenin
  • Oxandrolona
  • Enantato de testosterona
  • Propionato de testosterona
  • GH
  • Deca Durabolin – Saiba mais sobre o famoso esteroide
  • Masteron
  • Durateston Aspen Pharma
  • Boldenona
  • Você pode gostar...

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Deixa uma mensagem no whatsapp, responderemos assim que possível.

    (11) 94272-6195